Você está aqui: Página Inicial > Planejamento e Pesquisa > BIM NO DNIT > BIM NO DNIT

O QUE É O BIM?

por Luísa Schneiders da Silva publicado 20/08/2018 13h18, última modificação 20/08/2018 13h18

Building Information Modeling é um conjunto de tecnologias, processos e políticas, que permitem que várias partes interessadas possam, de maneira colaborativa, projetar, construir e operar uma edificação ou instalação.

BIM é um processo integrado para criar, usar e atualizar um modelo digital de uma construção, podendo ser usado por todos os participantes do empreendimento, potencialmente durante todo o ciclo de vida da construção.

BIM é uma nova plataforma da tecnologia da informação aplicada à construção civil e materializada em novas ferramentas (softwares), que oferecem novas funcionalidades e que, a partir da modelagem dos dados do projeto e especificação de uma edificação ou instalação, possibilitam que os processos atuais, baseados apenas em documentos, sejam realizados de outras maneiras (baseados em modelos) muito mais eficazes.


 

O que não é BIM?

Nem tudo que é 3D é BIM, mas se for BIM, será 3D: Soluções que possibilitam apenas a modelagem e visualização gráfica em 3D de uma edificação ou instalação, que utilizam objetos que não incluem outras informações além da sua própria geometria, não podem ser consideradas como soluções BIM.

Soluções que, utilizando múltiplas referências 2D (desenhos ou documentos), emulam modelos tridimensionais: Estes tipos de softwares não permitem a extração automática de quantidades, não realizam atualizações automáticas, nem tampouco possibilitam a realização de simulações e análises.

Soluções que não realizam atualizações automáticas, não são soluções BIM;

Softwares e soluções 3D que não trabalham como gestores de bancos de dados, não são BIM.


 

Processo básico de modelagem BIM?

1. Primeiro faz-se a escolha de um componente – ou Objeto BIM – em bibliotecas, que podem ser objetos nativos dos aplicativos de modelagem ou criados pelo próprio usuário;

2. Em seguida faz-se a inserção e posicionamento do Objeto no modelo;

3. Eventualmente, conforme a necessidade, faz-se o ajuste das formas, dimensões e outros parâmetros configuráveis do Objeto inserido.


 

Características essenciais dos Objetos BIM?

1. A semântica associada aos Objetos BIM – a informação do que é cada componente, isto é, seu tipo, é intrinsecamente associada a ele desde a sua criação;

2. O tipo determina suas propriedades, seu comportamento e suas associações aos demais elementos do modelo, segundo regras formais;

3. As regras de relacionamento entre objetos BIM podem ser internas e específicas de um determinado software ou compartilhadas publicamente, como no esquema aberto IFC;

4. A semântica associada às regras - também denominadas “ontologia” - permite que aplicativos compreendam um modelo BIM e realizem tarefas inteligentes baseadas nele.


 

O que é interoperabilidade?

Interoperabilidade é a capacidade que dois ou mais sistemas ou softwares possuem de trocar informações (sem perdas ou confusões) e utilizar as informações trocadas, de maneira consistente e coerente.

Tecnologias compatíveis e interoperáveis mantém a capacidade de tradução de um modelo de dados entre si, sem perdas, abrangendo informações gráficas e não-gráficas.