Você está aqui: Página Inicial > Rodoviário > Operações Rodoviárias > Termos de Cooperação-UFSC > Núcleo de Estudos de Tráfego

Núcleo de Estudos de Tráfego

por pgoncalves publicado 08/06/2010 14h55, última modificação 08/05/2015 17h25
Plano Nacional de Coleta de Dados de Tráfego - PNCT (Vigência 12/2007 a 11/2010).

Elaborar diretrizes técnicas e parâmetros operacionais para que o DNIT execute projetos de monitoramento de tráfego na malha rodoviária federal.

A importância da coleta sistemática de dados de tráfego deve-se especialmente: a necessidade de adequar periodicamente os sistemas rodoviários em função da real demanda existente por transporte ou de uma consistente demanda projetada; a crescente procura por informações precisas do comportamento do tráfego e a crescente necessidade de dados de tráfego consistentes para análise de rede na elaboração de sistemas e planos diretores do transporte rodoviário.

A relevância de estudos vinculados à operação das rodovias e a necessidade de elaborar diretrizes técnicas e parâmetros operacionais para que o DNIT execute projetos de monitoramento de tráfego na Malha Rodoviária Federal motivaram a celebração de um acordo de cooperação entre a Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), através do Laboratório de Transportes e Logística (LabTrans), e o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), através da Coordenação Geral de Operações Rodoviárias (CGPERT).

O referido acordo foi consolidado por meio da Portaria nº 1.803 de 05/12/2007 para a execução de dois projetos, a saber:

Projeto 1 - Análise e Tratamento Estatístico dos Resultados de Contagem de Tráfego

Este projeto teve como objetivo suprir a falta de informações de contagens de tráfego a partir da determinação dos volumes médios diários anuais, globais e classificados, e dos valores de velocidades de operação para o ano de 2006, com base em dados históricos. No desenvolvimento desse projeto foram gerados os seguintes produtos:

 

Projeto 2 – Projeto trienal de Coleta de Tráfego

Até o ano de 2001 esteve vigente o programa nacional de contagem de tráfego denominado Plano Nacional de Contagem de Tráfego (PNCT), sob administração do extinto Departamento Nacional de Estradas de Rodagem (DNER).  Com a desativação do plano foram cessadas estas contagens, gerando um hiato na produção de dados a serem utilizados no planejamento viário. O Projeto 2 visa propor a estruturação de um novo plano nacional de coleta sistemática de dados de tráfego, onde são monitorados e classificados os volumes globais e as velocidades praticadas pelos veículos. Os resultados do convênio foram organizados em sete produtos, a saber:

 

Além dos produtos previstos, foram gerados dois produtos complementares: