Coordenação de Planejamento - COPLAN

por giordanobazzo publicado 27/01/2014 16h10, última modificação 08/05/2015 16h40

À Coordenação de Planejamento – COPLAN, cabe coordenar e orientar a realização de estudos para o planejamento da infraestrutura de transportes sob jurisdição do Ministério dos Transportes, elaborar e participar de estudos destinados à avaliação do Sistema Federal de Viação e propor medidas para o seu aprimoramento e subsidiar a CGPLAN na formulação de propostas de políticas, diretrizes, planos e programas para o setor de transportes

 À COPLAN compete ainda: 

  • Elaborar ou participar de estudos e análises que propiciem subsídios à CGPLAN e à DPP para acompanhamento e avaliação das atividades do DNIT;
  • Elaborar ou coordenar a realização de estudos, que propiciem subsídios ao processo de formulação do planejamento estratégico do DNIT;
  • Coordenar e orientar as unidades de infraestrutura do DNIT na formulação do planejamento operacional e de proposta de programação de investimentos, de acordo com as políticas e diretrizes estabelecidas, bem como acompanhar a sua execução;
  • Planejar, coordenar, orientar e controlar a execução das atividades relacionadas com planos, programas e projetos, bem como a elaboração, acompanhamento e revisão de planos e programas relativos ao setor de transportes;
  • Administrar o Sistema de Gerência de Pavimentos, utilizando-o para elaboração de análises e avaliações técnicas e econômicas relativas ao Sistema Rodoviário Federal, mantendo atualizados os dados referentes à situação da Rede Rodoviária;
  • Acompanhar e manter atualizados os dados referentes à situação da Rede Rodoviária de cada Estado (federal+estadual), para, dentre outras demandas, atender ao Tribunal de Contas da União com informações que propiciem subsídios sobre a Contribuição de Intervenção no Domínio Econômico (CIDE);
  • Elaborar e manter toda a base de dados geográfica, devidamente georreferenciada, representativa dos dispositivos integrantes do Sistema Nacional de Viação e de outros sistemas de viação, de modo a garantir a padronização, qualidade e unificação dos dados, assim como elaborar impressões e reproduções cartográficas;
  • Levantar informações e promover estudos e análises para o planejamento, que permitam subsidiar as elaborações de propostas de PPA e de programações anuais de investimento;
  • Participar da elaboração das propostas do Plano Plurianual – PPA, bem como do seu acompanhamento;
  • Realizar outras atividades compatíveis com a sua área de competência, pareceres, trabalhos técnicos, que lhe forem determinadas pela Chefia imediatamente superior;
  • Realizar estudos que propiciem subsídios para obtenção de financiamentos para programas, projetos e obras relativas à infraestrutura do Sistema Federal de Viação.

 

Produtos

 

O Sistema Nacional de Viação - SNV é constituído pela infraestrutura física e operacional dos vários modos de transporte de pessoas e bens, sob jurisdição dos diferentes entes da Federação. Quanto à jurisdição, o SNV é composto pelo Sistema Federal de Viação e pelos sistemas de viação dos Estados, do Distrito Federal e dos Municípios e compreende os subsistemas rodoviário, ferroviário e aquaviário. Representa o entendimento quanto à infraestrutura de transportes necessária para satisfazer as demandas nacionais de circulação de cargas e passageiros para fins de escoamento de produção, turismo, segurança nacional, entre outras. Clique aqui >>>

 

O Plano Nacional de Contagem de Tráfego - PNCT busca representar a sazonabilidade da malha rodoviária federal pavimentada, além de avaliar o fluxo existente de tráfego e estabelecer as tendências de tráfego no futuro. Cabe ainda ao PNCT analisar a capacidade e estabelecer o nível de serviço, validar da vida útil das soluções adotadas nos pavimentos, programar necessidades de melhorias no sistema rodoviário, identificar do percentual de veículos em sobrepeso, realizar estudos de localização de postos de pesagem, entre outros. Clique aqui >>>

 

O Sistema de Gerência de Pavimentos - SGP possui o objetivo de atualizar o banco de dados do Sistema de Gerência de Pavimentos - SGP, o DNIT realiza seguintes levantamentos: o Levantamento Visual Contínuo de Defeitos - LVC, o Índice de Irregularidade Longitudinal - IRI, mapeamento das interseções, filmagem em alta definição – HD e calibração do programa Highway Development and Management – HDM-4. Clique aqui >>>

 

 
  • O IRI - International Roughness Index - É o somatório por quilômetro das irregularidades do pavimento em relação a um plano de referência ou, simplificando, é um dado que tem como objetivo representar o conforto do usuário ao trafegar por uma rodovia. No levantamento do IRI são aferidos os desvios da superfície do pavimento, que afetam a dinâmica dos veículos, a qualidade de rolamento e as cargas dinâmicas sobre as vias. Esse levantamento é feito com o uso de deflectômetros a laser, acoplados em veículo devidamente preparado, que fornecem leituras correspondentes às irregularidades do pavimento em análise.
  • O LVC - Levantamento Visual Contínuo - Tem a finalidade de avaliar e quantificar visualmente o nível de defeitos numa pista. A avaliação da superfície de pavimentos flexíveis e semirrígidos é feita pela observação de vídeos e fotos coletados em campo, dos defeitos existentes no pavimento da rodovia em análise. Esta avaliação é feita por profissionais treinados e preparados para esta função.
  • Calibração do HDM-4 - O HDM-4 é um sistema informatizado para a definição de prioridades e de soluções para a restauração e manutenção da rede rodoviária dentro de um programa plurianual, visando a melhor relação custo/benefício para diversos níveis de investimentos. Sua calibração é feita com a obtenção de dados e informações precisas sobre o comportamento dos desgastes e patologias que afetam os pavimentos das rodovias brasileiras, durante um período de cinco anos.
  • Registro em Vídeo - Consiste na filmagem contínua das rodovias federais e suas áreas adjacentes e no registro simultâneo de informações em banco de dados relativos a seus elementos. Para a gravação do Registro em Vídeo, um veículo especial percorre a malha viária filmando continuamente as vias e registrando concomitantemente os dados de posicionamento e altimetria. Sobre a imagem da via é superposta uma banda com dados contendo a identificação da via, a quilometragem com precisão métrica, as coordenadas geográficas e o azimute de alinhamento horizontal, a data e a hora da gravação.
  • Sondagem por Demanda – Consiste na execução de serviços técnicos especializados para verificação das condições estruturais do pavimento, por meio de ensaios geotécnicos.