Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Ministro entrega terceira faixa da BR-282 e vistoria obras do aeroporto de Florianópolis

Notícias

Ministro entrega terceira faixa da BR-282 e vistoria obras do aeroporto de Florianópolis

INFRAESTRUTURA

Tarcísio Gomes de Freitas demonstrou satisfação com o andamento das obras do novo terminal de passageiros do estado. Entrega está prevista para outubro
por publicado: 19/06/2019 09h58 última modificação: 19/06/2019 09h58

O ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, finalizou, na última terça-feira (18), uma série de entregas, vistorias e reuniões no estado de Santa Catarina. As obras de construção da terceira faixa da BR-282, na via expressa de Florianópolis, foi uma delas. Entre os benefícios da entrega está a ligação da BR-101 às pontes Pedro Ivo Campos e Colombo Salles, que ligam a região continental da capital à Ilha de Santa Catarina. A obra é fundamental para melhorar a trafegabilidade dos 130 mil veículos que passam por dia na região metropolitana da capital, reduzir acidentes e congestionamentos.

O ministro explicou que serão realizados testes, durante o período de maior tráfego de veículos, para que uma faixa seja exclusiva para ônibus e caminhões. “Vamos alinhar junto à Polícia Rodoviária Federal para avaliar se a medida pode melhorar ainda mais a mobilidade de quem usa a rodovia”, explicou Freitas.

Além dessa entrega, o ministro visitou as obras de acesso ao novo Aeroporto de Florianópolis e do próprio terminal, arrematado em 2017, na quarta rodada de concessões aeroportuárias do Governo Federal, pelo Consórcio Zurich International Airport AG. “Será um aeroporto que tem um conceito muito moderno e que, com certeza, vai oferecer um excelente serviço para o cidadão e para o usuário aqui de Santa Catarina e do Brasil”, avaliou.

O secretário Nacional de Aviação Civil, Ronei Glanzamm, também participou da visita e explicou que pela proximidade que o estado tem com o Cone-Sul da América Latina pode se tornar um hub de distribuição de voos da América do Sul para o resto do Brasil. “Já temos algumas empresas low-costoperando no país. Então nós temos total condições de trazê-las aqui para Santa Catarina”, explicou Ronei.

O novo aeroporto terá 49 mil metros quadrados e capacidade para movimentar 8 milhões de passageiros por ano. O investimento total da concessionária, durante os 30 anos de concessão, será de cerca de R$ 1 bilhão. O terminal tem previsão de ser inaugurado em outubro de 2019.

BR-470, PORTO DE ITAJAÍ e CONTORNO VIÁRIO – Na segunda-feira (17), o ministro ainda liberou o tráfego de 8 dos 26,3 quilômetros entre os municípios de Ilhota e Gaspar, na BR-470/SC. O trecho total a ser duplicado corresponde a 73,2 quilômetros, divididos em quatro lotes, entre Navegantes e Indaial. O valor total dos investimentos por parte do Governo Federal é de aproximadamente R$ 1 bilhão.

O ministro avaliou que a as melhorias na rodovia permitirão aprimorar o escoamento da produção da região oeste do estado ao Porto de Navegantes, além de representar uma integração fundamental à BR-101. “A BR-470 é uma prioridade para o Governo Federal. Estamos liberando 8 km de duplicação e em meados do ano que vem teremos boa parte desse trecho funcionando. A ideia é que até 2021 a gente possa concluir essa obra por inteiro", afirmou Freitas, que, após a liberação do tráfego, apresentou aos parlamentares de Santa Catarina o andamento e a execução das obras de infraestrutura no estado. A reunião aconteceu no Fórum Parlamentar Catarinense.

Freitas também participou da entrega da obra de alinhamento e reforço do berço 4 do Porto de Itajaí. Agora, o porto passa a ter quatro berços, totalizando 1.047 metros de extensão, o que vai permitir a atracação de navios com 336 metros de comprimento, após a conclusão da obra da Nova Bacia de Evolução. O investimento do Governo Federal nos Berços 3 e 4 foi de R$ 161 milhões.

“A conclusão das obras associadas a outras que estão sendo realizadas, como a dragagem portuária e da bacia de evolução, vai beneficiar toda a cadeia logística da região. Agora, o Porto terá condições de receber mais atracações, atender novas demandas do mercado, com geração de empregos, contribuindo para melhorar a economia e desenvolvimento socioeconômico de Santa Catarina”, avaliou Tarcísio, que, após a entrega, também visitou as obras do Contorno Viário da Grande Florianópolis, que terá quatro túneis.

Essas intervenções estão sendo aprovadas pela Agência reguladora e apresentadas pelas concessionárias. “Estabelecemos um cronograma de 36 meses de obra a partir de agora e a devemos concluir no segundo semestre de 2022”, explicou Freitas.

Coordenação de Comunicação Social - DNIT